Notícias

18/12/2018 - Notícia

Posse de Jair Bolsonaro será ‘absolutamente segura’, diz ministro do GSI

Foto: Marcos Corrêa/PR
Todo evento está sendo pensado para reduzir, ao mínimo, os riscos de um atentado contra o presidente eleito

Diante das constantes ameaças contra o nosso futuro presidente, é mais do que esperado que o esquema de segurança seja redobrado durante a posse de Jair Bolsonaro, no dia 1º de janeiro. Nesta terça-feira (18), o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI), general Sérgio Etchegoyen, afirmou que a Esplanada dos Ministérios estará “absolutamente segura” para receber a cerimônia de posse do presidente eleito.

“Cada presidente, cada circunstância, conduz a uma avaliação de risco. Nós nunca tivemos um presidente que durante a campanha tenha sofrido uma tentativa de assassinato. Isso nunca aconteceu. Isso sugere, obviamente, pra quem é responsável pela sua segurança: cautela”, respondeu o ministro à imprensa. 

Segundo matéria do site do Planalto, serão instaladas quatro linhas de revistas pessoais, todas com detector de metal. Haverá restrição a alguns objetos, materiais e equipamentos, que não poderão ser levados pelo público, como: garrafas, guarda-chuvas, fogos de artifício, apontadores laser, animais, bolsas e mochilas, sprays, máscaras, produtos inflamáveis, armas de fogo, objetos cortantes, drones e carrinhos de bebê. Leia mais.