Notícias

07/09/2018 - Notícia

Bolsonaro passa bem após ser agredido com facada na barriga durante ato de campanha

Após ser vítima de um ataque na tarde desta quinta-feira, 6 de setembro, enquanto fazia campanha em Juiz de Fora (MG), Jair Bolsonaro teve que ser levado às pressas para a Santa Casa da cidade, onde recebeu todo o atendimento necessário para afastar o risco de morte. Nesta sexta, após avaliação médica e estando com um quadro estável, o presidenciável foi transferido para o Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, onde continuará sendo acompanhado. 

“Jair Bolsonaro está mais forte do que nunca e pronto para ser eleito Presidente do Brasil no 1° turno. Deus acaba de nos dar mais um sinal de que o bem vencerá o mal!”, comemorou Flávio, em uma publicação em suas redes sociais, agradecendo, ainda, a todos que demonstraram gestos de apoio em um momento tão difícil para o pai.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro também compartilhou com seus seguidores, no Twitter, o grande livramento vivido pelo pai. "Alguns falam coincidência, nós falamos fé. Se a faca fosse 1 milímetro para o lado, pegaria na veia cava e ele morreria de hemorragia. Numa foto vê-se alguém desviando a faca. Cinco minutos a mais e ele morreria. Perdeu  mais de 2 litros de sangue. Havia uma grande equipe com os melhores médicos de Juiz de Fora por acaso lá", comentou.

Acompanhe as redes sociais de Flávio Bolsonaro e Eduardo Bolsonaro para mais informações.